Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008

Notícias axadrezadas

Photobucket

 

 

Só faltava o chapéu na ementa do Pataco

ANDRÉ MORAIS

 

João Tomás já leva 85 golos como profissional em Portugal, mas só à 13.ª época soube o sabor de uma chapelada. Foi contra o Leiria, a completar um bis que encerrou a série de três jogos sem ganhar do Boavista. "Já fiz vários grandes golos, principalmente no Braga, mas nunca um chapéu. Foi muito bonito", sorriu. Aliás, o proprietário do restaurante Pataco, nome de família, aberto em Oliveira do Bairro há quase 60 anos, tem finalmente a ementa completa. Golos de todos os feitios!

Este ano soma apenas quatro, mas por hábito só dispara nas segundas voltas. "É uma realidade, mas não posso considerar uma tendência. Acontece...", desvaloriza. "A nossa função é empurrar a bola e as críticas que sofremos são ingratas. As pessoas não se lembram dos passes nem das tabelas", aponta. "Este ano estive alguns jogos sem ter uma única oportunidade. As bolas não chegavam. Quando subi, com a Académica, não era assim. Hoje, na Liga de Honra, só importa ter garra e dar biqueiradas para a frente", critica. "No início custou-me muito ver tanta bola pelo ar", confessou.

Talvez por isso João Tomás tenha estado na iminência de sair rumo ao Catar. "Não se concretizou. Se houver essa possibilidade outra vez e o Boavista for compensado, pode ser que saia", explicou, antes de marcar o lugar do seu clube. "A subida não é o objectivo pelo qual lutamos. O clube vive com dificuldades para cumprir e os mais velhos tentam que os meninos valorizem antes o aspecto desportivo. Se o Boavista conseguir inscrever mais jogadores em Janeiro, talvez tenhamos então de pensar nisso", sublinhou.

 

A inspiração após grande limitação

 

João Tomás recorda perfeitamente o último minuto do jogo com o Leiria e o chapéu a Fernando. "Confesso que se não fosse a infelicidade do Wagnão escorregar eu nem chegava à bola. Mas tenho o mérito de o ter perseguido. O guarda-redes até estava bem posicionado, mas foi um momento instintivo, de inspiração", explica, ele que até esteve para nem jogar, pois lesionou-se durante a semana. "O mister perguntou se estava em condições. Respondi que tinha de estar", conta.

 

in O Jogo

 

Rodras

 

tags:

publicado por boavisteiro às 18:01
link do post | comentar | favorito

.Visitas desde 22/11/08

Counters
Boavista-Sempre online

.O símbolo

Photobucket

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Futsal: BOAVISTA NA 1º DI...

. Novo Site BFC

. Jogo dos Campeões

. PANTERAS NEGRAS: 27 Anos ...

. Fim de Época 2010/2011

. Esmoriz 0-1 BOAVISTA

. BOAVISTA 5-0 Eléctrico

. BOAVISTA FC X Eléctrico: ...

. Padroense 0-0 BOAVISTA: S...

. BOAVISTA FC 1-0 Gondomar:...

.arquivos

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.tags

. todas as tags

.Puzzle do mês


fancygens.com

.Envia as tuas fotos para boavistasempreblog@gmail.com !!!

boavista-sempre

.Comentários axadrezados

.Justiça para o Boavista

Photobucket